Arquivo do blog

Theme Support

comunidade

Unordered List

esporte

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Colombo

Postagem em destaque

Milhares ouve João Arruda na Rádio Cidade AM 670

https://www.facebook.com/radiocidade670/ A Hora do João começa às 8 horas na Rádio Cidade 670.  Desde que estreou  o grande comunicador,...

Pesquisar este blog

Geral

Binho - Aviário

Binho -  Aviário

Flickr Images

Cultura

About us

About us

Flickr Images

domingo, 17 de dezembro de 2017

Governador Beto Richa em Genebra na Suíça


"" Boa noite, pessoal. Participei hoje do Encontro de Cúpula da Organização Mundial da Família, aqui em Genebra, na Suíça onde recebemos o prêmio pelas boas práticas adotadas no Estado em relação às metas da ONU. Ótima oportunidade para compartilhar o nosso empenho em fazer com que o Paraná seja o primeiro Estado do Brasil a ter todas as suas cidades alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável."" em seu Facebook disse Richa. 

Beto Richa viajou para Genebra, Suíça, onde participou da World Family Summit (WFO’s) 2017 e da celebração dos seus 70 anos de existência. Convidados pela Organização das Nações Unidas (ONU),  com o presidente da Companhia de Energia Elétrica (Copel), Antônio Sérgio Guetter; conselheiro e ex-presidente do Tribunal de Contas, Fernando Guimarães; e com o presidente da Associação de Municípios do Paraná (AMP), Marcel Micheletto. Todos terão espaços na Tribuna da WFO na quinta-feira, 14, a partir das 17 horas, durante a Sessão Plenária Especial, quando o primeiro a discursar será o próprio governador Beto Richa. Em seguida, falarão Micheletto, Guetter e, encerrando esta sessão, Fernando Guimarães.

O tema desta Sessão Plenária, em que os paranaenses farão parte, será “Parcerias para os Objetivos Governos e Famílias Locais sejam a Mudança”. Na Sessão Especial de Celebração dos 70 anos da WFO haverá uma cerimônia de premiação. À noite consta da programação um Jantar de Gala para celebração do aniversário de 70 anos da Organização Mundial da Família.

O convite aos paranaenses está assinado pela presidente do World Family Organization, Deisi Kusztra, e pela secretária executiva assistente da diretoria, UNITAR, Nikhil Seth. O evento termina no dia 15, sexta-feira, quando toda a comitiva do Paraná deve retornar ao Brasil.

O tema da Sessão Plenária, em que os paranaenses fizeram parte, foi “Parcerias para os Objetivos Governos e Famílias Locais sejam a Mudança”. Na Sessão Especial de Celebração dos 70 anos da WFO houve uma cerimônia de premiação, onde os paranaenses foram também agraciados. À noite, eles participaram de um Jantar de Gala para a celebração do aniversário de 70 anos da Organização Mundial da Família. 

COMPROMISSOS - As principais recomendações e compromissos apresentados pelos paranaenses, em Genebra, na Suíça, foram:

 fortalecimento de parcerias inclusivas em níveis global,  subnacional e local, com a participação de Organizações Não Governamentais (ONGs) e do setor privado, com o objetivo de garantir cidades e comunidades sustentáveis para todas as pessoas, das atuais e futuras gerações, em especial as minorias, utilizando como meios de implementação  os planos de desenvolvimento e ordenamento urbano;

   garantido o equilíbrio entre as dimensões econômica, social e ambiental, seja  promovido o financiamento por meio de fundos rotativos, de melhorias urbanas, mobilidade, apoio às atividades geradoras de emprego e renda, gestão de resíduos, habitação, entre outras necessidades básicas e estruturais das famílias que formam as cidades, sempre garantindo a vinculação entre as áreas urbanas e rurais;

 que os governos em todos os níveis instituam ou empoderem conselhos para fomento e implementação da Agenda 2030, e articulação de parcerias multissetoriais na coerência de políticas públicas alinhadas aos ODSs;

   capacitação de técnicos do setores público e privado, e das autoridades locais, para o desenvolvimento de ações e projetos que atendam as metas e indicadores dos ODS, com o apoio do setor privado e das Academias;

 definição e alinhamento de indicadores prioritários e elegíveis para as unidades subnacionais na implementação dos ODSs;

  desenvolvimento de soluções tecnológicas, como o Business Inteligence e Banco de Boas Práticas, para aplicação, acompanhamento e gestão integrada e compartilhada de políticas públicas alinhadas aos ODSs;

 incorporação dos ODS no planejamento orçamentário do setor público, em todos os níveis;

 que as empresas adotem a Agenda ONU 2030 e os 10 Princípios do Pacto Global como referencial estratégico. E que cada empresa analise sua cadeia de valor e utilize  os ODS, suas metas e indicadores para potencializar seus impactos positivos e minimizar os negativos;

 que as empresas utilizem as ferramentas e referenciais internacionais instituídos pela ONU, como por exemplo o Programa Cidades do Pacto Global, para melhorar seu desempenho em sustentabilidade;

 que as instituições de auditoria incentivem os governos a adotarem indicadores consistentes de monitoramento das políticas públicas alinhadas aos ODSs;

 que as instituições de auditoria atuem no sentido de induzir os governos ao planejamento orçamentário das políticas públicas alinhadas aos ODSs, reforçando o elo entre o controle e o planejamento;

 que as instituições de auditoria reforcem a comunicação de informações de qualidade aos parlamentos e a sociedade civil de modo a fortalecer a transparência e o controle social sobre as políticas públicas alinhadas aos ODSs; 

 que as instituições de auditoria adotem mecanismos de monitoramento das políticas públicas alinhadas aos ODSs, inclusive sob o aspecto da coerência com as soluções normativas aplicáveis.


←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Faculdade Uniandrade

Faça Faculdade Uniandrade
Vem pra Uniandrade

Publicidade

Publicidade

Seguidores