Arquivo do blog

Theme Support

comunidade

Unordered List

esporte

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Colombo

Postagem em destaque

O Bruxo Chik Jeitoso presta depoimento para o Juiz Fernando Fischer

O Bruxo Chik Jeitoso presta depoimento para o Juiz Fernando Fischer na última segunda-feira dia 22/10/2018.  Excelentíssimo  Sr Juiz da 8° ...

Pesquisar este blog

Geral

Binho - Aviário

Binho -  Aviário

Flickr Images

Cultura

About us

About us

Flickr Images

domingo, 21 de janeiro de 2018

Promotoria acusa ministro Gilberto Kassab PSD por receber R$ 21 milhões da Odebrecht



A empreiteira fechou acordo para delatar irregularidades entre 2008 e 2015 e ressarcir os cofres públicos


Brasília - O Ministério Público Estadual de São Paulo entrou com ação na Justiça contra o ministro da Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab (PSD), por ato de improbidade administrativa ao supostamente receber vantagens indevidas de R$ 21 milhões da Odebrecht durante seu mandato na Prefeitura da capital (2006/2012). A empreiteira fechou acordo para delatar irregularidades entre 2008 e 2015 e ressarcir os cofres públicos com a Promotoria.
Entre as irregularidades que teriam gerado vantagens indevidas estão a construção de um túnel na Avenida Roberto Marinho, zona sul de São Paulo. A via também é abrangida em acordo de leniência entre a empreiteira e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica.
Gilberto Kassab é acusado de receber R$ 21 milhões da OdebrechtElza Fiúza / ABr
Gilberto Kassab foi delatado pelos executivos Benedicto Júnior e Paulo Cesena, da Odebrecht. Segundo os delatores, entre 2008 e 2014, houve pagamentos de vantagens indevidas para o ministro do Governo Michel Temer, em montante superior a R$ 20 milhões. Os repasses teriam como objetivo "obter vantagens" de Kassab na condição de prefeito de São Paulo e, depois, de Ministro das Cidades do Governo Dilma Rousseff.

Benedicto Júnior, o BJ, relatou que os valores foram solicitados diretamente por Kassab. Em 2008, afirmou o executivo, ele teria sido convidado para um café com Kassab, na casa do ministro, "oportunidade em que lhe foi solicitado o valor aproximado de R$ 3,4 milhões a pretexto de contribuição para campanha". O delator declarou que os valores foram pagos de maneira ilícita, sem registro eleitoral, com ciência pessoal de Kassab, entre janeiro e junho de 2008.

Em 2013, ao criar o PSD, Gilberto Kassab pediu, segundo o executivo da Odebrecht, "repasses financeiros mais um vez a pretexto das campanhas de 2014 e para a criação do novo partido" Aproximadamente, R$ 17,9 milhões, entre novembro de 2013 e setembro de 2014, foram pagos "de maneira ilícita, sem registros oficiais".

Kassab vai ser investigado por receber vantagens como prefeito e ministro

Ministro declara que confia na Justiça. Delatores dizem que Kassab foi beneficiário de esquema de propina em obras de rodovias em SP.  http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2017/04/kassab-vai-ser-investigado-por-receber-vantagens-como-prefeito-e-ministro.html



Ministro Luiz Fux é o novo relator de inquéritos de Gilberto Kassab http://www.jb.com.br/pais/noticias/2017/06/30/ministro-luiz-fux-e-o-novo-relator-de-inqueritos-de-gilberto-kassab/



Investigado, Gilberto Kassab submerge e PSD se divide; Cartaxo já sofre pressão

Investigado, Gilberto Kassab submerge e PSD se divide; Cartaxo já sofre pressão do desgaste do partido  https://www2.pbagora.com.br/noticia/politica/20170626105859/investigado-gilberto-kassab-submerge-e-psd-se-divide-cartaxo-ja-sofre-pressao

Promotoria faz acordo em SP e acusa Kassab





Inquérito que investiga atos de Kassab na Prefeitura de São Paulo é arquivado a pedido da PGR  http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=355845



←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Faculdade Uniandrade

Faça Faculdade Uniandrade
Vem pra Uniandrade

Publicidade

Publicidade

Seguidores