Arquivo do blog

Theme Support

comunidade

Unordered List

esporte

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Colombo

Postagem em destaque

Band Curitiba tem três apresentadores campeões de Audiência com programa Policiais

De segunda feira a sexta feira a partir das 16 horas o Apresentador Val Santos comanda na Band Curitiba ao vivo o programa Brasil Urgente ...

Pesquisar este blog

Geral

Binho - Aviário

Binho -  Aviário

Flickr Images

Cultura

About us

About us

Flickr Images

segunda-feira, 12 de março de 2018

ACP promove homenagem à nova diretoria do TRT-PR


A Associação Comercial do Paraná (ACP) e seu Conselho de Relações Trabalhistas, representados pelo presidente Gláucio Geara e coordenador Rodrigo Fortunato Goulart, homenagearam com um almoço nessa sexta-feira (2) a nova diretoria do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região formada pelas desembargadoras do Trabalho Marlene Suguimatsu e Nair Lunardelli Ramos, presidente e vice-presidente respectivamente, e o desembargador Sergio Murilo Rodrigues Lemos, corregedor regional que por motivos profissionais não participou de todo o evento.
O presidente Gláucio Geara, na saudação aos novos dirigentes do TRT-PR salientou que “a nova diretoria deverá envidar todo o esforço para dar eficácia às alterações da lei trabalhista recentemente sancionada pelo presidente da República”. Observou, ainda, que a entidade que completa 128 anos em 2018 “sempre se mostrou preocupada com o emprego, tendo em vista que empreendedorismo e emprego não podem percorrer caminhos diferentes”.
Gláucio se referiu a um dos perversos efeitos da crise econômica, que a certa altura se consolidou “na forma do desemprego que tirou do mercado de trabalho mais de 14 milhões de irmãos brasileiros”, reafirmando que o “momento é de enorme expectativa quanto à retomada do crescimento da economia e recuperação dos empregos”.
Na alocução Gláucio acrescentou que “a Justiça do Trabalho, em particular o TRT do Paraná, merecem todo o respeito e a pronta colaboração dos interessados na correta aplicação das leis”, lembrando a posse do novo presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), desembargador Brito Pereira, que pregou a busca da unidade, harmonia e pacificação no âmbito da Justiça do Trabalho, com a obediência estrita ao que diz a Constituição Federal”, asseverando que esse deve ser também o foco do TRT-PR.
Por sua vez o coordenador do Conselho de Relações Trabalhistas, Rodrigo Fortunato Goulart, parabenizou e desejou amplo sucesso à gestão da nova diretoria, referindo-se à segurança jurídica que os interpretes da legislação devem buscar com o objetivo de encontrar as melhores soluções para os conflitos trabalhistas que já começaram a chegar aos tribunais em função das imperfeições da nova legislação.
Antes de ceder a palavra à nova presidente do TRT-PR, desembargadora Marlene Suguimatsu, o presidente da ACP franqueou a palavra a personalidades participantes da homenagem, a saber, Sérgio Rocha Pombo (OAB-PR), Indalécio Gomes Neto (ex-ministro do TST) e José Lúcio Glomb (ex-presidente da OAB-PR), que enalteceram a atuação do tribunal paranaense e também formularam votos de excelentes realizações aos gestores do biênio 2018/2019.
O ex-presidente da OAB-PR, José Lúcio Glomb, presidente do Instituto dos Advogados do Paraná, aproveitou a oportunidade para lembrar que o Paraná sempre esteve representado na instância superior da Justiça do Trabalho, mas atualmente está ausente. Com a existência de duas vagas no TST, o respeitado profissional do Direito do Trabalho lançou a ideia de um movimento organizado por instituições relevantes da sociedade “a fim de reivindicar a indicação de um representante paranaense para uma das vagas abertas no Tribunal Superior do Trabalho”.
A manifestação foi apoiada de imediato pelo presidente da Associação Comercial do Paraná, que fez questão de antecipar a disposição da entidade em participar do movimento.
O evento foi encerrado com o discurso da presidente Marlene Suguimatsu, que acentuou a importância milenar da atividade comercial e sua contribuição para a interação dos povos e sua transformação ao longo da história.
Lembrou também a relevância do momento ao considerá-lo “favorável, oportuno e profícuo”, com base na nova realidade aberta pela reforma que “ao contrário do que possa parecer a alteração da legislação trabalhista nos chama à união, cooperação e solidariedade”, concitando a todos “a desenvolver pelo diálogo e pela negociação ética, o melhor trajeto para as relações de trabalho nesse país”.
Numa comparação feliz e adequada ao contexto das relações do trabalho no Brasil, a presidente do TST concluiu se referindo à peça “O mercador de Veneza”, de Shakespeare, no trecho em que o comerciante Shyllock tenciona cobrar uma promissória vencida, garantida por uma libra da carne do beneficiário do empréstimo. O juiz emitiu a sentença: “Corte a tua libra de carne! Mas a caução não te concede uma só gota de sangue. Se ao cortá-lo, por acaso derramares uma só gota, teus bens e tuas terras todas, pelas leis de Veneza, serão do Estado”.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Faculdade Uniandrade

Faça Faculdade Uniandrade
Vem pra Uniandrade

Publicidade

Publicidade

Seguidores