Arquivo do blog

Theme Support

comunidade

Unordered List

esporte

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Colombo

Postagem em destaque

EXCLUSIVO: Live com neste Sábado no Blog Chik Jeitoso com Roberto Requião

Foto Arquivo MDB  Confirmado para este Sábado 16 de Novembro ao Meio Dia Live Poderosa  EXCLUSIVA  no Blog Chik Jeitoso com Vossa Exclên...

Pesquisar este blog

Geral

Binho - Aviário

Binho -  Aviário

Flickr Images

Cultura

About us

About us

Flickr Images

terça-feira, 15 de maio de 2018

Deputado Federal Ricardo Barros PP em Brasília

Estou acompanhando o balanço das realizações do presidente Michel Temer e sou grato por ter contribuído com os avanços na saúde nos últimos dois anos. O presidente destacou diversas ações que realizamos à frente da Pasta: investimentos em serviços de média e alta complexidade, o custeio das UPAs, renovação das frotas do SAMU, as novas ambulâncias, o prontuário eletrônico, as novas equipes de Atenção Básica e inúmeras outras ações que levaram à saúde mais perto dos brasileiros.

Ricardo Barros foi o melhor Ministro da Saúde. 


O presidente da República, Michel Temer, realizou, nesta terça-feira (15), balanço de ações adotadas ao longo dos dois anos de governo – completados no último sábado (12) – que fizeram o país avançar em áreas como educação, segurança e saúde pública. Em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília, Temer comemorou os resultados junto com ministros de Estado e autoridades. Em relação aos avanços na saúde, o presidente destacou esforços para ampliar o acesso do cidadão aos serviços públicos, com mais oferta de atendimento e de medicamentos.
A Atenção Básica, principal porta de entrada para o Sistema Único de Saúde (SUS), foi um dos principais destaques do evento, que também contemplou outras áreas estratégicas da saúde, como a Rede de Urgência e Emergência, Média e Alta Complexidade e informatização de todo o sistema. O Programa Farmácia Popular é outra ação da pasta que recebeu destaque, uma vez que passou a destinar 100% da verba para a compra de remédios. Antes, nas unidades próprias do programa, 80% dos recursos eram destinados a custos administrativos, como aluguéis e contratação de pessoal.
O aumento do Piso de Atenção Básica, que desde 2013 não tinha reajuste, foi um dos destaques. O valor foi alterado com base no cálculo da correção populacional do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). “De 2013 a 2017, o valor repassado para todo o Brasil foi o mesmo: R$ 4,7 bilhões. A partir desse ano serão R$ 5,1 bilhões, porque nós sabemos que na atenção básica é que 80% dos problemas de saúde podem ser resolvidos”, destacou o presidente da República, Michel Temer.
Também receberam menções o reforço dos investimentos na Atenção Básica, como a habilitação de 14.105 novos Agentes Comunitários de Saúde, 3.781 Equipes de Saúde da Família, 3.045 Equipes de Saúde Bucal, 1.194 Núcleos de Apoio à Saúde da Família, 446 Equipes de Academia da Saúde, 148 Equipes de Saúde Prisional e 41 novos Consultórios nas Ruas. Atualmente, 75,8% da população brasileira está coberta com as ações e serviços da Atenção Básica, com 42.616 Unidades Básicas de Saúde distribuídas em todo o Brasil, além da atuação de 272,4 mil Agentes Comunitários de Saúde e 43,9 mil Equipes de Saúde da Família.
Para qualificar ainda mais os serviços na atenção básica, o Governo Federal tem investido na informatização do SUS, com a implantação do Prontuário Eletrônico, que traz todas as informações do paciente, como prescrição de medicamentos, exames e consultas, e que ficarão registrados nacionalmente, podendo consultados em qualquer Unidade Básica de Saúde do país. Com isso, conseguiremos qualificar o atendimento e evitar repetição de exames e encaminhamentos desnecessários, além do maior controle do gasto público.

AVANÇOS NA SAÚDE

Durante o evento, o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, destacou os avanços na saúde na saúde pública brasileira. “O País melhorou muito, em todos os aspectos. Muitos avanços foram conquistados, mas ainda há muito o que ser feito. E é exatamente esta nossa missão, vamos continuar avançando através do trabalho eficiente, concluindo o que está em andamento, como a informatização das Unidades Básicas de Saúde, compra de equipamentos, ampliação do financiamento e abertura de novos serviços de saúde. Estamos pagando em dia a todos e isso para garantir o cuidado com a saúde da população”, reforçou o ministro da Saúde, Gilberto Occhi.
A partir da implantação do digiSUS (estratégia para informação do sistema), já é possível observar um aumento expressivo no número de Unidades Básicas de Saúde com Prontuário Eletrônico. Em dezembro de 2016 apenas 920 Unidades Básicas de Saúde utilizavam o prontuário, hoje são 18.516 e até o fim do ano 40 mil unidades deverão utilizar o serviço.

URGÊNCIA E EMERGÊNCIA

A Rede de Urgência e Emergência, formada basicamente pelas Unidades de Pronto Atendimento (UPAS 24h) e pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192), também tiveram destaques durante a fala do presidente da República, Michel Temer. 
O governo está renovando 65,7% da frota do SAMU que tem cinco anos ou mais de uso. A medida beneficia diretamente a população, que passa a contar com veículos mais novos e equipamentos modernos para atuar nas situações de urgência e emergência. Já foram disponibilizadas para doação 225 ambulâncias em 2016, 337 em 2017 e 776 apenas este ano. Além dessas, foram empenhados entre 2016 e 2017, por meio de emendas parlamentares, recursos para aquisição de mais 196 veículos.
“Havia sete anos que o Brasil não recebia novas ambulâncias do SAMU e nós tivemos não apenas a oportunidade, mas a satisfação de entregar veículos novos em todos os anos da nossa gestão. Até o fim do ano, vamos entregar mais 2.176 ambulâncias, quando será possível renovar 65,7% da frota existente”, concluiu o presidente Michel Temer.
Em dois anos, também foram economizados R$ 2,5 bilhões, com renegociação e revisão de contratos, e reinvestidos na ampliação e qualificação da assistência oferecida na área de média e alta complexidade e custeio de UPAS, o que inclui mais exames, cirurgias e procedimentos hospitalares disponíveis para a população.
Por Gustavo Frasão, da Agência Saúde
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Faculdade Uniandrade

Faça Faculdade Uniandrade
Vem pra Uniandrade

Publicidade

Publicidade

Seguidores