Arquivo do blog

Theme Support

comunidade

Unordered List

esporte

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Colombo

Postagem em destaque

EXCLUSIVO: Live com neste Sábado no Blog Chik Jeitoso com Roberto Requião

Foto Arquivo MDB  Confirmado para este Sábado 16 de Novembro ao Meio Dia Live Poderosa  EXCLUSIVA  no Blog Chik Jeitoso com Vossa Exclên...

Pesquisar este blog

Geral

Binho - Aviário

Binho -  Aviário

Flickr Images

Cultura

About us

About us

Flickr Images

terça-feira, 8 de maio de 2018

Flávio Rocha, pré-candidato do PRB, é recebido com festa em Natal

Manifestantes se reuniram em aeroporto da cidade para receber o pré-candidato à presidência

O pré-candidato à presidência pelo PRB (Partido Republicano Brasileiro) Flávio Rocha foi recebido com festa em um aeroporto em Natal, no Rio Grande do Norte. Rocha está na cidade participar de um evento organizado por lideranças jovens da UNP (Universidade Potiguar)
Os manifestantes gritavam e cantavam palavras de apoio ao candidato. 

Rocha falou sobre suas ideias e do movimento Brasil 200 durante o evento. A defesa do livre mercado e a redução da intervenção do Estado na economia são algumas das principais bandeiras do pré-candidato. 
Segundo a equipe de assessoria de imprensa de Rocha, o movimento Brasil 200 celebra os 200 anos da Independência do Brasil. A data será comemorada em 2022, último ano de mandato do candidato que for eleito em outubro deste ano. 


______________________________________________________________________

Patrões e empregados são 'parceiros na prosperidade', diz Flávio Rochahttp://www.bbc.com/portuguese/brasil-43998184?ocid=socialflow_twitter


______________________________________________________________________

Pré-candidato à Presidência, Flávio Rocha recebe título de cidadão soteropolitano


O empresário e pré-candidato à Presidência da República, Flávio Rocha (PRB), foi condecorado nesta quinta-feira, 3, com o título de cidadão soteropolitano. A honraria foi proposta pela correligionária e vereadora de Salvador, Ireuda Silva (PRB).
Rocha declarou que é uma grande honra ser agraciado com o título. "Me sinto lisonjeado ao receber o título de cidadão da primeira capital do Brasil. Essa honra chega em um momento decisivo nesse novo desafio", disse, ao completar que, além de republicano, agora também é soteropolitano.
A proponente, vereadora Ireuda Silva, atribui o título à contribuição o empresário à geração de emprego. "Pela vontade de recuperar a economia, geração de emprego e renda. A trajetória de Flávio Rocha é admirável. Ele é um orgulho para o Nordeste", afirmou.
O empresário é um dos fundadores do Brasil 200 - movimento criado por um grupo de empresários que faz referência aos 200 anos de independência do país, comemorado em 2022, quando se encerra o mandato do futuro presidente eleito.
Flávio Rocha revelou que, através das visitas realizadas pelo Movimento Brasil 200, percebeu que é capaz de alcançar o segundo turno nas próximas eleições. Rocha defende um projeto político para construir liberdade econômica e dar basta na corrupção. Esta última, segundo ele, pode chegar ao fim através do livre mercado e consequente geração de emprego.
Como uma forma de prova ao eleitor, Flávio pretende usar o próprio dinheiro para financiar sua campanha. "Isso mostra que o meu compromisso será com ideias que deram certo em vários outros países, com base na liberdade política e econômica", explicou.

_________________________________________________________________________________

Alô o Flávio Rocha escolheu um programa de alcance popular para vir aqui em Salvador. Vamos aguardar se dará resultado.

________________________________________________________________________________


Flávio Rocha, pré-candidato a presidência da República, dá o tom da política liberal em Teresina



“O grande papel do governo é não atrapalhar. Estamos em queda livre na condição do Brasil de competir. No ranking de 180 países, o Brasil está entre os 30 piores para se investir”


_________________________________________________________________________________


Encontro Regional do PRB em Franca com a presença do presidente nacional do partido, Marcos Pereira, e do pré-candidato a presidente da República, Flávio Rocha.

________________________________________________________________________________

O que é ser guardião da competitividade


________________________________________________________________________________

O criminoso precisa ser responsabilizado com mais rigor', afirma Flávio Rocha





________________________________________________________________________________


Estive em Rio Preto hj p/ participar de 1 café c/ empresários e c/ nosso pré-candidato a pres. da República, Flávio Rocha. Na ft estão a ver. Karina Caroline, o repres. da Fiesp, Lizst Abdala, os empresários Maurício Bellodi e Toufic Neto, e o pres. do PRB de RP, Diego Polachini.

_______________________________________________________________________________________________________________

Depois da carreata, seguimos apresentando a cidade ao nosso futuro presidente do Brasil, Flávio Rocha. A primeira parada foi na prefeitura de Campo Grande, onde estivemos com o prefeito Marquinhos Trad e seus secretários.

_______________________________________________________________________________

Para quem sonha em ser empreendedor, é melhor ficar sabendo que esta vida é uma grande aventura no Brasil. Não há garantia de nada. E temos ainda um Estado para enfrentar. O dragão da inflação foi substituído pelo elefante burocrático. Está difícil de tirá-lo de nossas vidas. Precisamos mais e mais pessoas com espírito heroico para gerar emprego e renda. Só assim vamos construir uma sociedade verdadeiramente próspera.

__________________________________________________________________________________




Há mais coisas que separam Brasil e Suíça do que podemos supor. Além de indústrias de alto valor agregado e educação de primeira linha, o país europeu permite que sua economia deslanche, para gerar emprego e renda. Aqui, temos um Estado que parece ter ódio ao empreendedorismo e faz tudo para amarrar o nosso desenvolvimento. Mesmo assim, somos a décima economia do mundo. Imaginem como seria se pararmos de sabotar a nós mesmos.

___________________________________________________________________________________



Sem surpresas. Em matéria de educação, estamos na zona de rebaixamento. O ranking OECD Better Life avaliou 38 países. O Brasil ficou em 37º na avaliação do desempenho médio de alunos de 15 anos de idade, de acordo com o Programa Internacional de Avaliação de Estudantes. A pesquisa indica: “O aluno médio no Brasil obteve pontuação de 395 em leitura, matemática e ciências, abaixo da média da OCDE de 486”. A construção do nosso futuro começa por levar esses dados muito a sério.

___________________________________________________________________________________


Temos um país com milhares de sindicatos e milhões de desempregados. É para se pensar. Será que muitas estruturas sindicais não servem apenas a si mesmas? De que vale a cultura do ódio ao empreendedor? Felizmente, caiu a máscara desses falsos defensores dos trabalhadores. O livre mercado e a geração de empregos são as bandeiras que valem a pena.

_________________________________________________________________________________


A tragédia no Largo Paissandu essa semana chocou o Brasil não apenas pelas fortes imagens de um prédio indo abaixo, mas da realidade de milhões de brasileiros que não têm moradia e precisam se submeter a situações degradantes para ter onde dormir. O pior é ver que há movimentos que exploram a miséria de pessoas para lucrar em cima, como no caso, cobravam R$ 400 de cada morador - e expulsavam quem não pagava. Alguns destes movimentos inclusive são comandados por uma pessoa que quer ser presidente do país, o que deixa tudo ainda mais chocante. São mais de 130 prédios em São Paulo ocupados por pessoas que não têm mais onde ir, e o problema nem sempre é falta de lugar, mas a falta de emprego e a burocracia, que impedem essas e outras pessoas de terem moradia digna. Quero ser presidente da República para acabar com as barreiras burocráticas que dificultam o acesso dos brasileiros às necessidades básicas de suas vidas. Cenas como as que vimos essa semana não podem se repetir. https://www.facebook.com/flaviogurgelrocha/videos/2200715123492015/


______________________________________________________________________________


Os problemas de produtividade no Brasil nem sempre têm a ver com a nossa mão de obra. A nossa maior inimiga é a famosa Burrice Burocrática Brasileira. Para cumprir com trâmites tributários, nossas empresas gastam até 20 vezes mais o tempo do que países como Nova Zelândia, Reino Unido, Canadá e EUA. No final das contas, nossas instituições colocam areia nas engrenagens do sistema produtivo.

________________________________________________________________________________


Agradeço a todos pela calorosa recepção que tive em João Pessoal, capital da Paraíba, hoje. O carinho recebido mostra que minha pré-candidatura está cada vez mais forte e atingindo todos os cantos deste país. Seguimos nossa jornada lutando um Brasil livre, feliz, competitivo e cheio de empregos.

_______________________________________________________________________________


Eu costumo dizer que tenho obsessão por gerar empregos e em colocar dinheiro no boso do trabalhador. Na minha gestão como presidente da Riachuelo, ajudei a gerar mais de 320 mil contratações em 10 anos, fora as indiretas e dos fornecedores. Sei que apenas o livre mercado e a competitividade podem criar ainda mais empregos, e só com empregos dignos e honestos para todos conseguiremos combater os problemas na saúde, educação e segurança. Gerar empregos é a base da minha pré-candidatura para a presidência da República e é com esse princípio que estou viajando o país todo buscando cada vez mais apoio nessa jornada. https://www.facebook.com/flaviogurgelrocha/videos/2200227060207488/


________________________________________________________________________________

As nossas ideias estão ultrapassando as nossas fronteiras. A agência de notícias Reuters apresentou a nossa pré-candidatura para seus leitores de língua inglesa. O que eles perceberam quando vieram me entrevistar é que não estamos brincando. Não sou aventureiro. Sou alguém que entende a fórmula de criar empregos no setor privado. E vou fazer o mesmo pelo Brasil.

_________________________________________________________________________________




Um exemplo dos mais importantes da Burrice Burocrática Brasileira. Um cidadão precisa de pelo menos 101 dias para abrir sua empresa. Na Nova Zelândia, esse prazo não passa de 30 minutos. Não por acaso temos uma posição tão vergonhosa no ranking de liberdade econômica.

__________________________________________________________________________________



O Brasil é um país de privilégios. Disso ninguém duvida. O foro privilegiado é mais uma das distorções de nossa República. Segundo levantamento da Folha de S. Paulo, nada menos que 58.660 pessoas têm essa prerrogativa. A Constituição de 1988 e as constituições estaduais criaram esse monstro burocrático. O povo não aceita mais tanta proteção a pessoas que são servidores públicos. A renovação do Brasil e o surgimento do Estado servidor passam pelo fim dessa aberração. Basta olhar outros países.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Faculdade Uniandrade

Faça Faculdade Uniandrade
Vem pra Uniandrade

Publicidade

Publicidade

Seguidores