Arquivo do blog

Theme Support

comunidade

Unordered List

esporte

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Colombo

Postagem em destaque

Dia 20 de Agosto de 2019 dia da Maçom GADU

O Dia do Maçom no Brasil é celebrado em 20 de Agosto porque é a data em que, numa Sessão Ordinária, de Grau de Aprendiz Maçom, Joaquim ...

Pesquisar este blog

Geral

Binho - Aviário

Binho -  Aviário

Flickr Images

Cultura

About us

About us

Flickr Images

segunda-feira, 2 de julho de 2018

FALTAM TRÊS JOGOS PARA O HEXA!

Com grande atuação de Neymar, Brasil vence o México e está nas quartas de final da Copa do Mundo

Craque brasileiro marcou um gol e deu outra assistência na partida



Faltam três jogos para o hexa! O Brasil encontrou muitas dificuldades, mas venceu o México por 2 a 0 e avançou às quartas de final da Copa do Mundo. O grande nome da partida foi o craque Neymar, que marcou o primeiro gol no início do segundo tempo e ainda deu assistência para Roberto Firmino carimbar a vaga.
Depois de um jogo muito equilibrado nos primeiros 30 minutos, o técnico Tite mudou a formação do 4-1-4-1 para o 4-4-2 e o Brasil cresceu na partida. E foi justamente com o novo desenho tático que o Brasil abriu o placar no segundo tempo.
Neymar iniciou a jogada pelo lado esquerdo e tocou para Willian. O meia invadiu a área pela esquerda e cruzou para o meio da área. A bola passou por Gabriel Jesus e sobrou para o camisa 10 empurrar para as redes. Já nos minutos finais, Roberto Firmino recebeu passe na pequena área e marcou o seu primeiro gol no Mundial.
Essa é a sétima vez Copa do Mundo consecutiva que o Brasil chega, pelo menos, nas quartas de final. A última eliminação precoce foi em 1990, quando caiu nas oitavas de final para a Argentina por 1 a 0. Em contrapartida, o México segue com o trauma do quarto jogo e é eliminado na primeira fase do mata-mata também pela sétima vez seguida.
O jogo
A seleção brasileira começou observando a estratégia do México, que escalou o experiente Rafa Márquez como volante e ainda explorou as jogadas de velocidade pelos lados do campo. Com apenas dois minutos, Alisson afastou cruzamento vindo da esquerda e a bola ficou nos pés de Lozano, que chutou em cima da defesa.
O Brasil respondeu na sequência após saída errada do México em chute de Neymar que obrigou Ochoa a espalmar para o lado. Porém, o time brasileiro encontrou dificuldade para passar pela marcação adversária e também para marcar Carlos Vela e Lozano.
No decorrer do primeiro tempo, o técnico Tite mudou a formação para impedir as jogadas pelos lados do campo, colocou Philippe Coutinho para jogar pela direita do campo e Neymar ao lado de Gabriel Jesus na frente. Com isso, o Brasil cresceu no ataque e criou as melhores chances de perigo.
Primeiro, Neymar fez boa jogada individual, invadiu a área e chutou rasteiro. Ochoa fechou bem o ângulo e defendeu com a mão esquerda. Depois, Gabriel Jesus finalizou cruzado e mais uma vez o goleiro mexicano salvou. No rebote, Philippe Coutinho parou na marcação.
Na volta para o segundo tempo, o treinador mexicano, Juan Carlos Osório, colocou Layún na lateral-direita para marcar Neymar. Porém, o craque brasileiro precisou de seis minutos para mostrar toda sua habilidade. Ele recebeu pelo esquerdo e tocou para Willian. O meia invadiu a área e devolveu a bola para o camisa 10, que apenas empurrou para o fundo das redes.
O gol deu muita tranquilidade para o time brasileiro e ainda deixou os mexicanos nervosos em campo. Layún tentou provocar Neymar e esteve envolvido em polêmica após pisar no camisa 10, quando o jogo já estava parado. Com o decorrer do tempo, o jogo ficou mais tranquilo para a seleção brasileira e Roberto Firmino aproveitou o desespero do México para ampliar a vantagem. Ele recebeu passe de Neymar e apenas completou para o fundo do gol, minutos depois após entrar na vaga de Philippe Coutinho.
FICHA TÉCNICA
BRASIL 2X0 MÉXICO
Local: Cosmos Arena, em Samara (RUS).
Data: Segunda-feira, 02 de julho de 2018.
Horário: 11h (horário de Brasília).
Árbitro: Gianluca Rocchi (ITA).
Assistentes: Elenito Di Liberatore (ITA) e Mauro Tonolini (ITA).
Árbitro de vídeo: Massimiliano Irrati (ITA).
Brasil: Alisson; Fagner, Thiago Silva, Miranda e Filipe Luís; Casemiro; Paulinho (Fernandinho), Philippe Coutinho (Roberto Firmino), Willian (Marquinhos) e Neymar; Gabriel Jesus.
Técnico: Tite.
México: Ochoa; Álvarez (Jonathan dos Santos), Ayala, Rafa Márquez (Layún) e Salcedo; Gallardo, Herrera e Guardado; Carlos Vela, Lozano e Chicharito Hernández (Raúl Jimenez).
Técnico: Juan Carlos Osório.
Cartões amarelos: Álvarez, Herrera, Salcedo e Guardado (MEX); Filipe Luís e Casemiro (BRA).
Gols: Neymar (BRA), aos 6′ do segundo tempo, e Roberto Firmino (BRA), aos 43′ do segundo tempo.
Neymar teve sua melhor atuação na Copa do Mundo. (Rodolfo Buhrer/Estadão Conteúdo)
Fonte Portal Banda B 








←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Faculdade Uniandrade

Faça Faculdade Uniandrade
Vem pra Uniandrade

Publicidade

Publicidade

Seguidores