Arquivo do blog

Theme Support

comunidade

Unordered List

esporte

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Colombo

Postagem em destaque

EXCLUSIVO: Live com neste Sábado no Blog Chik Jeitoso com Roberto Requião

Foto Arquivo MDB  Confirmado para este Sábado 16 de Novembro ao Meio Dia Live Poderosa  EXCLUSIVA  no Blog Chik Jeitoso com Vossa Exclên...

Pesquisar este blog

Geral

Binho - Aviário

Binho -  Aviário

Flickr Images

Cultura

About us

About us

Flickr Images

terça-feira, 14 de agosto de 2018

Cida a primeira Governadora mulher do Paraná convida todos para o Debate na Band

Pelo seu Facebook a Governadora Cida Borghetti PP que vai para reeleição convida para o primeiro debate eleições 2018. 

"" Na próxima quinta-feira participo do primeiro debate com os candidatos ao Governo do Estado, que será às 22h na Band Paraná. Convido você para acompanhar e participar desse que será um momento fundamental para a democracia do Paraná. "" 




http://www.blogchikjeitoso.com.br/2018/08/debate-da-band-com-candidatos-ao.html









Cida defende agronegócio forte para gerar mais empregos no Paraná


A governadora Cida Borghetti defendeu nesta segunda-feira, 13, o fortalecimento do agronegócio para gerar mais emprego e renda aos paranaenses. “O agronegócio é o principal indutor da nossa economia, através de novas parcerias e incentivos, pode produzir mais e gerar mais empregos que o Paraná precisa”, disse Cida em Curitiba durante encontro com as lideranças do setor.
Cida afirmou que o plano elaborado pela Faep e entregue aos candidatos ao Governo do Paraná é uma contribuição “muito significativa e importante” que vai nortear as ações de governo nos próximos quatro anos. “Meu governo é marcado pelo diálogo e, entre as nossas prioridades, está a de ampliar as parcerias com a Faep, Fetaep, cooperativas, sindicatos rurais, associações de produtores e outras entidades da agropecuária”, disse.
Cida adiantou que vai criar o conselho técnico do agronegócio paranaense ligado diretamente à governadoria, como proposto no plano da Faep. “O conselho terá a função estratégica de elaborar e propor políticas públicas, programas e projetos para o desenvolvimento do setor em todas suas dimensões. Será composto por quatro representantes da inciativa privada e quatro representantes públicos, com a gestão executiva coordenada pela APD (Agência Paraná Desenvolvimento)”.
Outra prioridade, afirmou a governadora, é a ampliação dos investimentos na defesa agropecuária do Paraná, assegurando a estrutura para a Adapar (Agência de Defesa Agropecuária) desempenhar as suas funções.
Agricultura familiar – Cida também reafirmou o compromisso e “tratamento especial” aos produtores da agricultura familiar. “Vamos assegurar a renda mensal por meio da diversificação da produção através de programas de assistência técnica, planejamento financeiro, apoio à comercialização, capacitação e estímulo às agroindústrias individual e coletivas”, disse.
“Vamos apoiar a pesquisa no campo e levar para a agricultura familiar novas tecnologias, acesso ao mercado, associativismo e cooperativismo. Onde a agricultura é forte a economia gera empregos, renda e oportunidades”, completou.
O plano de governo de Cida terá como foco a qualidade vida dos paranaenses no campo nas áreas área de segurança com reforço no policiamento, saúde, saneamento, habitação, educação e desenvolvimento social. “Vamos usar a força da agropecuária paranaense para estimular o desenvolvimento de regiões onde o IDH ainda é baixo, incentivar a instalação de agroindústrias nessas áreas para gerar emprego, renda e melhorar a qualidade de vida”, disse.
Pesquisa – Às lideranças do agronegócio, Cida assumiu o compromisso de estimular e ampliar a Rede Paranaense de Agropesquisa e Formação Aplicada, criada a partir de uma reivindicação da Faep e é a maior rede de pesquisa na área agrícola do País. “Vamos incentivar o uso de tecnologia de ponta no campo e o surgimento de startups do agronegócio”.
Cida também defendeu a revisão e modernização da legislação do ICMS ecológico do Paraná de forma a torná-lo mais atrativo para prefeituras e proprietários rurais, além de estimular que mais municípios, individualmente ou em consórcios, assumam o licenciamento ambiental.
Portos e ferrovias – Na área de infraestrutura, Cida disse que novo programa de concessões rodoviárias vai garantir mais obras e tarifas 50% mais baixas. “Isso vai impactar de forma muito positiva no escoamento da nossa produção e na circulação de bens e serviços”.
Cida adiantou que vai firmar parcerias com a iniciativa privada, consórcios municipais e prefeituras para a execução de um amplo programa de recuperação, adequação, manutenção e pavimentação de estradas municipais e vicinais
“Vamos manter a gestão eficiente do Porto de Paranaguá, mas ampliar os investimentos públicos e incentivar investimentos privados em Paranaguá, Antonina e em Pontal do Paraná”, disse ao destacar ainda a importância da faixa de infraestrutura do litoral. “É possível aliar desenvolvimento econômico com preservação ambiental. A rodovia é estratégica para o Litoral e para a economia do Estado”, defendeu.
Energia – Cida também defendeu a implantação de corredor de exportação de alimentos com a integração dos diferentes modais e investimentos para aumentar a competitividade do Paraná. “Vamos buscar recursos federais e parcerias para novas ferrovias. Priorizar a Ferrovia Dourados/Litoral do Parará e que ferrovia Norte/Sul tenha um ramal no Paraná.
“Temos que assegurar a disponibilidade de energia de qualidade ao setor produtivo e estimular sistemas de geração distribuída de energias renováveis concentrando principalmente em micro, pequenos e médios produtores, criando novas oportunidades de negócios”, completou Cida.





Recentemente estive em um dos mais importantes eventos da ONU sobre sustentabilidade, nos Estados Unidos. Foi uma honra representar o Paraná e poder falar dos avanços realizados em nosso Estado nesta área tão importante para a vida humana. Uma preocupação mundial com o nosso futuro. Acredito na união de todos os países para uma vida melhor para todos. 



Tudo passa pela educação, o futuro de uma nação, a realização de boas ações, a formação de cidadãos do bem, o conhecimento. Durante minha trajetória sempre apoiei políticas públicas em favor da educação de qualidade. 


Tive a grata oportunidade de presidir, na Câmara dos Deputados, a Comissão que elaborou o Marco Legal da Primeira Infância. Me aprofundei neste tema que assegura ações integradas em áreas como saúde, educação, cultura e direitos humanos e coloca a criança no centro das atenções. É o caminho para a formação de cidadãos de bem.


←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Faculdade Uniandrade

Faça Faculdade Uniandrade
Vem pra Uniandrade

Publicidade

Publicidade

Seguidores