Arquivo do blog

Theme Support

comunidade

Unordered List

esporte

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Colombo

Postagem em destaque

EXCLUSIVO: Live com neste Sábado no Blog Chik Jeitoso com Roberto Requião

Foto Arquivo MDB  Confirmado para este Sábado 16 de Novembro ao Meio Dia Live Poderosa  EXCLUSIVA  no Blog Chik Jeitoso com Vossa Exclên...

Pesquisar este blog

Geral

Binho - Aviário

Binho -  Aviário

Flickr Images

Cultura

About us

About us

Flickr Images

terça-feira, 11 de setembro de 2018

Arruda pede que Ratinho Júnior faça pronunciamento sobre a prisão de Bet...



Após a Prisão do Ex Governador Beto Richa PSDB o candidato ao governod o Paraná João Arruda gravou um vídeo e  lembrou que o Ratinho Junior PSD foi Secretário da SEDU do Beto Richa por muitos anos.

Operação Lava-Jato 53ª Fase - Operação Piloto

Coordenador do GAECO, Leonir Batisti fala sobre a prisão do ex-governador Beto Richa em operação deflagrada na manhã deste terça-feira
https://www.facebook.com/tribunadoparana/videos/303605357092665/



O deputado João Arruda, candidato a governador pelo MDB, disse nesta terça-feira, 11, que a prisão do ex-governador Beto Richa e de integrantes do seu grupo político revela, mais uma vez, que a corrupção campeou o Estado nos últimos anos e que candidatos como Ratinho Junior (PSD), que fez parte do governo Richa, tem que se explicar à população.
“Agora, Ratinho Junior veste uma máscara de independente, de renovação. Quem governou com o Richa é continuidade e não renovação”, disse João Arruda. “O paranaense vai saber escolher e diferenciar quem estava com quem nos últimos anos nos desmandos que marcaram este último governo”, completou.
“Falo isto com tristeza por que o Paraná não merece estar novamente nas páginas policiais. Mas eu sempre soube, por isto sempre fiz oposição a este grupo que governou o Paraná nos últimos anos. Eu conhecia as suas verdadeiras intenções e sabia que não era fazer pela saúde, pela educação, pela segurança e pela geração de empregos”, ressaltou João Arruda.
Ratinho ao lado de Richa – Para João Arruda, a campanha é a oportunidade ideal para Ratinho Junior se explicar aos paranaenses sua relação com o grupo de Beto Richa. “Eu aguardo ansiosamente o posicionamento deste candidato, que não tem ido nos debates, que não quer debater comigo, mas que ele diga o que ele pensa desta turma que está aí”.
“Afinal de contas, ou ele (Ratinho Junior) é um traidor do seu grupo político ou ele que assuma que é a verdadeira continuidade deste governo que está aí”, ressaltou o candidato do MDB.
João Arruda lembra ainda que enquanto fez oposição ao Beto Richa durante o exercício de todo o seu primeiro mandato, “o Ratinho Junior era secretário do Richa”, recordou.
Depois na campanha eleitoral de 2014, João fez oposição, não apoiou Beto Richa, apoiou  Requião. “Depois em 2015, eu fazia oposição e denunciava os escândalos de corrupção no Congresso Nacional, fazia visitas em escolas que foram roubadas e queria realmente que isto tudo fosse investigado”, concluiu.










"Ex-governador do Paraná e candidato ao Senado, Beto Richa é preso em Curitiba
Também foi presa Fernanda Richa, esposa do político. A residência deles também foi alvo de mandados de busca e apreensão"
Leia mais em: 







Candidato ao Senado pelo PSDB Beto Richa é preso em Curitiba. Esposa e ex-chefe de gabinete do ex-governador do Paraná também foram detidos:






Beto Richa, ex-governador do Paraná, é preso em Curitiba em ações de Lava-Jato e MP-PR

Mulher do tucano e seu ex-chefe de gabinete no estado também foram detidos







Ex-governador do Paraná, Beto Richa é preso

A nota da PF sobre Operação Piloto

Em mais uma ação ostensiva decorrente da chamada Operação Lava Jato, a Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (11/9) a Operação Piloto, com o objetivo de apurar o pagamento de vantagens indevidas a agentes públicos e privados, no Estado do Paraná. Aproximadamente 180 policiais federais cumprem 36 ordens judicias nas cidades de Salvador/BA, São Paulo/SP, Lupianópolis/PR, Colombo/PR e Curitiba/PR.
A investigação apurou que o suposto pagamento milionário, feito no ano de 2014, pelo Setor de Operações Estruturadas do Grupo Odebrecht, visando possível direcionamento do processo licitatório para investimento na duplicação, manutenção e operação da rodovia estadual PR-323 na modalidade parceria público-privada.
As condutas investigadas podem configurar, em tese, os delitos de corrupção ativa e passiva, fraude à licitação e lavagem de dinheiro.
O nome da operação remete a codinome atribuído pelo Grupo Odebrecht, em seus controles de repasses de pagamentos indevidos, a investigado nesta operação policial.
Os presos serão conduzidos à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba/PR, onde permanecerão à disposição da Justiça.
Será concedida entrevista coletiva, às 10h, no auditório da sede da Polícia Federal em Curitiba/PR.


_____________________________________________________________________________

João Arruda: “Aguardo posicionamento de Ratinho”


http://www.fabiocampana.com.br/2018/09/joao-arruda-aguardo-posicionamento-de-ratinho/


___________________________________________________________________________

Deonilson Roldo, alvo de duas Operações

←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Faça Faculdade Uniandrade

Faça Faculdade Uniandrade
Vem pra Uniandrade

Publicidade

Publicidade

Seguidores